O evento será uma plataforma de debate entre especialistas sobre impacto da guerra na Ucrânia no setor energético, os mercados de energias renováveis, bioenergia, tecnologia, segurança e agências reguladoras

Fundação Carlos Alberto Vanzolini (FCAV), uma das mais importantes instituições que desenvolve, aplica e dissemina conhecimentos sobre engenharia de produção no Brasil, organiza, no próximo dia 31 de março, o Fórum Energia e Sustentabilidade. O evento − que celebra os 55 anos da instituição − apresentará um debate entre especialistas sobre o impacto da guerra na Ucrânia no setor energético mundial e brasileiro, o contexto dos mercados de energias renováveis, bioenergia, tecnologia, segurança e agências reguladoras do setor. Gratuito, o Fórum se realizará das 14h às 15h15 e será transmitido ao vivo pelas plataformas Youtube, Facebook, Instagram e LinkedIn.

Do debate participarão Rubens Ometto, presidente do Grupo Cosan; Leonam dos Santos Guimarães, presidente da Eletronuclear; e do professor de economia, Arthur Barrionuevo. O moderador do Fórum será o professor doutor Erik Eduardo Rego, diretor de Estudos de Energia Elétrica da EPE (Empresa de Pesquisa Energética).

De acordo com o presidente da FCAV, João Amato Neto, realizações como o Fórum Energia e Sustentabilidade “são um marco para a história da instituição. Servem para mostrar o importante papel que a Fundação tem desempenhado em todos esses anos, onde promove intercâmbios de informações para viabilizar e estimular o diálogo entre empresas, governos, especialistas e a sociedade”.

Desde sua fundação − criada em 1967 pelos professores da Universidade de São Paulo (Poli-USP) — a organização teve o olhar voltado para a busca de soluções para os problemas sociais, econômicos, ambientais e técnicos do país. Para a FCAV toda realidade pode ser modificada por meio da melhor gestão dos recursos disponíveis e do olhar integrador e multidisciplinar da ciência.

A Fundação Vanzolini atua sobre quatro eixos principais: educação, com programas de formação e desenvolvimento de pessoas e equipes por meio de cursos de curta, média e longa duração; certificação, de produtos e sistemas de gestão para organizações e instituições públicas e privadas; pesquisa, em operações, produtos, sistemas de gestão, inovação, políticas públicas e outros; e soluções, em desafios complexos que envolvam inovação e compromisso de implementação bem-sucedidos.

Perfil dos participantes do Fórum Energia e Sustentabilidade, da Fundação Vanzolini:

Moderador

Erik Rego

Diretor de Energia Elétrica da EPE e professor doutor da POLI-USP

Professor do Departamento de Engenharia de Produção da Escola Politécnica da USP (POLI-USP), Erik Rego é formado em Engenharia de Produção pela Escola Politécnica e possui bacharelado em Ciências Econômicas pela Faculdade de Economia e Administração da USP (FEA-USP). Também tem mestrado e doutorado em Economia da Energia pelo Instituto de Energia e Ambiente (IEE-USP). Foi pesquisador visitante na Universidade de Illinois, Estados Unidos, e possui especialização em derivativos pela BM&F. Rego foi diretor da Excelência Energética Consultoria, professor do Departamento de Economia da FEA-USP, professor de economia da ESEG, professor da Fundação Vanzolini, vice-coordenador do Curso de Especialização em Administração Industrial (pós-graduação lato sensu) das USP e Presidente do Comitê de Energia da AMCHAM.

Com experiência em banco de investimento e empresa de consultoria, atua há aproximadamente 15 anos no setor de Energia Elétrica.

Debatedores

Rubens Ometto Silveira Mello

Empresário, fundador e presidente do Grupo Cosan

Rubens Ometto Silveira Mello, graduado em Engenharia Mecânica de Produção pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo, é presidente dos Conselhos de Administração da Cosan, Raízen, Compass Gás e Energia, Comgás e Rumo, além de acionista controlador das empresas. O empresário possui mais de 40 anos de experiência na gestão de grandes empresas, nas áreas administrativa e financeira.

Um dos empresários mais atuantes no setor do agronegócio, é um dos fundadores da UNICA — Associação Brasileira da Indústria de Cana – e, desde 2015, membro do Conselho Nacional de Desenvolvimento Industrial (CNDI).

Leonam Guimarães

Presidente da Eletronuclear e membro do Grupo Permanente de Assessoria do Diretor-Geral da AIEA

Leonam Guimarães é diretor presidente da Eletronuclear, ex-coordenador do Programa de Propulsão Nuclear da Marinha do Brasil, professor de Gestão da Fundação Armando Álvares Penteado (FAAP) e de Engenharia da POLI-USP, diretor-técnico e Comercial da Amazônia Azul Tecnologias de Defesa SA (AMAZUL) e Diretor de Planejamento, Gestão e Meio Ambiente, além de Diretor Técnico da Eletronuclear.

Guimarães possui cerca de 30 anos de experiência em pesquisa, desenvolvimento, engenharia, aquisição e construção de sistemas navais e nucleares. Além disso, é membro do Conselho da Associação Nuclear Mundial (WNA), membro do Grupo Consultivo Permanente da AIEA sobre Energia Nuclear (SAGNE) e do Grupo Internacional de Especialistas em Responsabilidade Nuclear (INLEX), ex-presidente da Seção Latino-Americana – American Nuclear Society e autor de vários livros e artigos sobre engenharia, gestão e política nuclear.

Arthur Barrionuevo Filho

Professor doutor de Economia da FGV-SP, nas Escolas de Administração e de Direito

Arthur Barrionuevo é professor de Economia da Fundação Getúlio Vargas (FGV-SP), nas Escolas de Administração e de Direito. Foi Presidente do Conselho de Administração da FINEP (Financiadora de Estudos e Projetos), instituição financeira dedicada ao financiamento de P&D das empresas brasileiras e atuou como secretário de Desenvolvimento Tecnológico do Ministério da Ciência e Tecnologia, no qual foi responsável por políticas públicas de apoio à inovação empresarial.

Na área de defesa da concorrência, serviu como conselheiro do CADE (Conselho Administrativo de Defesa Econômica), a autoridade antitruste brasileira. Atua como consultor em políticas de concorrência e questões regulatórias. Barrionuevo também tem diversos artigos publicados em jornais sobre questões como a concorrência e políticas de concorrência e regulação.

Fórum Energia e Sustentabilidade

Data: 31 de março de 2022

Horário: 14h

Duração: 1h15 (podendo se estender até 1h30)

Local: Evento online, com transmissão ao vivo pelas plataformas Youtube, Facebook, Instagram e LinkedIn.

Previous article72% dos trabalhadores em todo o mundo se preocupam com qualidade do ar em edifícios corporativos
Next articleOrganizações da Mata Atlântica têm até 31 de março para se inscrever no programa BTG Soma Meio Ambiente

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

3 × 2 =