Evento gratuito na ESPM debaterá sustentabilidade, educação e o cenário pós-pandemia

O Centro ESPM de Desenvolvimento Socioambiental (CEDS) promove nesta quinta-feira (13) o evento Jovens Hoje, Consumidores Amanhã. O encontro virtual terá a participação de Maíra Bosi e JP Amaral, do Instituto Alana, e de Tatiana Amendola, da ESPM, com mediação de Marcus Nakagawa, coordenador do CEDS/ESPM. O evento integra a série Diálogos CEDS. “A sustentabilidade deve ser central no desenvolvimento e na socialização das crianças. Ao lado da educação financeira e digital, ela é fundamental para formar consumidores mais responsáveis no futuro e precisa fazer parte da formação escolar e familiar”, afirma Marcus Nakagawa, coordenador do CEDS/ESPM.

Canecas Personalizadas

Para Maíra Bosi, coordenadora de comunicação do programa Criança e Consumo do Instituto Alana, garantir que a infância esteja livre de pressões consumistas também é um ponto central na formação saudável dos consumidores do futuro. “A criança vivencia um estágio peculiar e fundamental de desenvolvimento e ainda não tem formação cognitiva e emocional para lidar com estímulos persuasivos. A publicidade dirigida a crianças se aproveita de sua falta de experiência e vulnerabilidade para estimular práticas e valores consumistas. Se queremos formar consumidores responsáveis na idade adulta, não podemos aceitar que crianças cresçam acreditando que ter vale mais do que ser”, afirma.

O tema do consumo infantil foi objeto de uma cartilha produzida pelo Conselho Federal de Psicologia. O documento aponta que a publicidade infantil no Brasil causa problemas em dois eixos. Primeiro, incentiva a aquisição de bens de consumo sem utilidade ou até inapropriados para as crianças. Em segundo lugar, é um instrumento de reforço da desigualdade social no país, uma vez que crianças de classes sociais diferentes têm acessos desiguais a bens de consumo.

Tatiana Amendola, professora de Comportamento do Consumo e Shopology da ESPM São Paulo, sustenta que o cenário atual – combinando pressão social por mais sustentabilidade e pandemia – também deve influenciar significativamente a formação dos consumidores do amanhã. “A tendência para o futuro é que o conceito de sustentabilidade no consumo seja integrado em três esferas: o meio ambiente; o outro, em seu sentido social; e o eu. Todas essas três esferas serão influenciadas por essa lembrança da pandemia, que acompanhará os consumidores do futuro, que hoje ainda são crianças”, afirma a especialista da ESPM.

Inscrições:

Diálogos CEDS | Jovens Hoje, Consumidores Amanhã

Quando | dia 13 de maio (quinta-feira)

Horário | das 14h às 16h

Link | https://espm.zoom.us/j/97883861856 (ID 978 8386 1856)

 

Matéria anteriorGrupo de Tecnologia alemã emite, pela primeira vez, título verde
Próxima matériaNova base concentrada vegana para formulação de shampoos e produtos para limpeza chega ao mercado

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

15 − 10 =