É a terceira conquista da cleantech em menos de um mês

Reconhecida como uma das 10 melhores startups do país, a Trashin (startup de logística reversa, gestão de resíduos e ESG) recebeu o Prêmio Reconhecimento ESG inovabra, concedido pelo Bradesco inovabra e a 100 Open Startups. O anúncio reconheceu a cleantech como uma das 10 startups brasileiras que se destacaram com iniciativas e soluções focadas no meio ambiente, responsabilidade social e boas práticas de governança corporativa.

O Reconhecimento inovabra ESG foi divulgado na Open Innovation Week | Oiweek ESG inovabra, principal encontro de inovação aberta do Brasil. Entre os critérios do prêmio, estão a elegibilidade para o Ranking 100 Open Startups e inovabra habitat (maturidade da solução e aplicação ao mundo B2B e B2C com foco em digital).

Canecas Personalizadas

Para o CEO da Trashin, Sérgio Finger, estar entre as 10 startups do Reconhecimento ESG inovabra reforça o compromisso da empresa com o mercado, seus clientes e as métricas ESG. “É gratificante figurar entre as 10 startups selecionadas em um prêmio tão importante quanto esse. Isso nos mostra que as parcerias da Trashin e a proposta de promover inovações voltadas para as métricas ESG estão rendendo bons resultados e solucionando dores do mercado”, comemora.

Além disso, foi realizada uma análise com critérios de sustentabilidade, levando em consideração o alinhamento da missão, o potencial de produtos ou soluções na geração de impacto positivo direto na agenda ESG, análise do produtos ou soluções considerando seu potencial no atingimento de metas dos ODS e análise de cases de sucesso como evidência do impacto ESG e ODS.

Três prêmios em 28 dias

Além do Reconhecimento ESG inovabra, a Trashin atuou em diversas parcerias estratégicas ao longo deste ano que possibilitaram à startup garantir outras duas conquistas: figurar pelo segundo ano seguido no 100 Open Startups e de campeã da Amcham Arena 2021.

De acordo com o CEO, transformar as empresas por meio de práticas ESG, além de promover inovações nos serviços de logística reversa e gestão de resíduos, foi crucial para as três conquistas.

“Estar entre as 10 startups da categoria ESG e ter recebido outros dois relevantes reconhecimentos nos últimos dias nos mostra que estamos no caminho certo. Além disso, é uma confirmação de que o nosso propósito de transformar as companhias parceiras por meio de práticas sustentáveis é o correto. Promover inovações para atingimento das métricas ESG é motivo de muito orgulho para nós que buscamos impactar positivamente as comunidades em que estamos inseridos”, finaliza Finger

 

Matéria anteriorMeio ambiente é uma das preocupações da Geração Z, aponta estudo
Próxima matériaPrograma de voluntariado VOA premia ONGs

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

3 + 15 =