A ação foi feita a partir de compra de créditos de carbono; a startup já contribuiu para a conservação de 17.800 m² de área da Floresta Amazônica

De acordo com levantamento realizado pelo site britânico Carbon Brief, de 1850 até 2020, o Brasil foi o quarto país que mais emitiu dióxido de carbono (CO2), um dos gases mais poluentes e dos que mais contribuem com o aquecimento global. O País foi responsável por 4,5% de todas as emissões de carbono do mundo.

Algumas empresas estão fazendo sua parte para tentar minimizar os impactos causados por ação humana ao meio ambiente, como é o caso da shopper.com.br, maior supermercado 100% online do Brasil, que passou a neutralizar todas as emissões de carbono geradas por sua operação. Com essa ação, o negócio se tornou o primeiro do seu setor a implementar em todas as suas atividades a neutralização de carbono.

Canecas Personalizadas

A iniciativa teve consultoria especializada da Biofílica Ambipar Environment, empresa focada em serviços ambientais e na conservação de florestas e permitiu que o supermercado comprasse créditos de carbono direto pela startup para compensar suas emissões de CO2. A empresa já contribuiu para a conservação de 1,78 hectares de área da Floresta Amazônica, isto é, 17.800 m², referentes à pegada de carbono de 2020, e deve fechar 2021 somando o triplo da área conservada a esse montante.

Além de contribuir para evitar o desmatamento desse importante bioma, a shopper.com.br vai apoiar o desenvolvimento socioeconômico sustentável local e combater as mudanças climáticas, por meio da parceria com o Projeto REDD+ Vale do Jari, que é financiado com recursos dos créditos de carbono. Esse projeto conta com uma combinação de atividades, desde o manejo sustentável e a promoção do agroextrativismo até o monitoramento de biodiversidade. As atividades desenvolvidas pelo Projeto REDD+ Vale do Jari em conjunto com a Fundação Jari têm o potencial de evitar a emissão de 630 mil toneladas de CO2 por ano ao poupar o desmatamento de 562 mil hectares. Essa iniciativa atende 13 comunidades e mais de 305 famílias no Brasil.

“Nosso modelo sempre foi mais eficiente por definição: porque o cliente não precisa pegar o carro, dirigir até o mercado e porque a Compra Programada nos permite planejar nossa operação e entregas com antecedência, fazendo rotas mais eficientes e econômicas. Conseguimos zerar a pegada de carbono não só das entregas, mas de toda nossa operação”, declarou Fábio Rodas, CEO da Shopper.

 

 

Matéria anteriorVarejista de moda brasileira alcança maior número do seu setor no índice mundial de sustentabilidade Dow Jones
Próxima matériaEmpresa brasileira de logística participa de movimento pela descarbonização do setor marítimo ao lado de players mundiais

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

nove + dezoito =