Levantamento mostrou ações já iniciadas em algum nível em 95% das companhias

A forte alta no tema ESG no Brasil, especialmente no mundo empresarial, foi identificada em pesquisa inédita da Câmara Americana de Comércio (Amcham Brasil) com 178 líderes de companhias e startups em operação no Brasil. A maioria dos respondentes (95%) informou já ter iniciado algum nível de engajamento e ações sustentáveis da companhia, sendo que 68% já reconhece benefícios diretos dessa agenda no negócio.

Canecas Personalizadas

Dos 95% engajados, 37% já têm engajamento em planejamento ativo, mas ainda estão mapeando todos os pontos a serem trabalhados; 31% avaliam já ter um engajamento integrado ao negócio, e 26% vêm construindo engajamento no tema. 

Ainda que 68% já reconheça os benefícios diretos da agenda no negócio, o número é ainda maior quando analisados também os que reconhecem benefícios indiretos (23%), totalizando 93% de executivos que identificam vantagens da prática ESG nos negócios.

Outros resultados

A pesquisa também apontou o nível de investimento das organizações em inovação e tecnologia voltadas às práticas sustentáveis, em que 89% já possui algum, e o posicionamento sobre os temas de diversidade e inclusão, no qual 80% já conta com uma agenda dedicada ao tema.

Além dessas temáticas, o levantamento abordou temas de governança, legislação ambiental, ESG na agenda dos executivos e relacionamento com stakeholders. Leia a pesquisa completa neste arquivo. 

Agenda Estratégica

Além disso, foi lançada também a agenda estratégica da entidade com o título “ESG, a sigla que representa oportunidade”, com acesso completo no endereço amcham.com.br/ agendaesg . “A pauta ESG está cada dia mais influenciando as estratégias e modelos de negócios e criando novas oportunidades para empresas e para a sociedade como um todo”, contextualiza a CEO da Amcham Brasil, Deborah Vieitas.

A Agenda ESG da Câmara Americana traz uma pauta de advocacy, promoção de melhores práticas empresariais, ações de capacitação e publicações relevantes. “Em síntese, é a contribuição da Amcham Brasil para preparar nossos associados para a revolução sustentável em curso e para influenciar um ambiente de negócios mais próspero e competitivo”, complementa Deborah.

Prêmio ECO

A pesquisa e a agenda foram apresentadas durante o Prêmio ECO da Amcham, que contempla as melhores ações de sustentabilidade empresarial no País. Na ocasião, a empresa vencedora foi a Natura. Também ao lado da multinacional brasileira de cosméticos, outros 24 cases e projetos ESG foram reconhecidos na premiação, entre startups, PME’s e grandes empresas, de 15 estados brasileiros.

O evento, que ocorreu pela primeira vez de forma totalmente online, avaliou 129 projetos em edição com recorde de programas inscritos. “Um marco com 25 empresas que estão fazendo práticas de transformação e reinvenção do mercado por meio de investimentos ESG, aprofundando sua relação com a sociedade e outros stakeholders”, comenta Daniela Aiach, diretora de Sustentabilidade da Amcham Brasil.

Além da Natura, foram vencedoras desta edição iniciativas das seguintes marcas: Avon, BASF, Brasilseg/BB Seguros, Bristol Myers Squibb, Claro, Copasa/MG, Eco Panplas, Estância Mimosa Ecoturismo, França Women Health, Grupo Sabará, Itaú, Mars Petcare, Natura, Navegações Unidas Tapajós, Neoway, Olibi Azeites Artesanais, Órigo Energia, Química Amparo/Ypê, Renault, Rhodia, Santander, Schneider Electric, Suzano Papel Celulose e Weber Consultoria e Engenheira Ambiental. Conheça aqui todos os vencedores e projetos no premioeco.com.br.

Matéria anteriorEmpresa de delivery inicia implementação dos 84 pontos de descarte voluntário de resíduos recicláveis em 3 estados e no Distrito Federal
Próxima matériaMaior produtora de aço do Brasil apresenta avanços em sustentabilidade em seu Relatório Anual 2020 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

4 × 2 =