Iniciativa do Mercado Livre busca apoiar a comercialização de empreendimentos sustentáveis da Amazônia, do Cerrado e da Mata Atlântica

Canecas Personalizadas

O Mercado Livre anunciou uma nova chamada para negócios de impacto socioambiental positivo, desta vez direcionada a empreendimentos da biodiversidade que contribuam para a conservação de biomas brasileiros. Os negócios selecionados irão participar da terceira edição do programa Empreender com Impacto com capacitações sobre como vender na plataforma do Mercado Livre abordando temas como estratégia comercial, logística e marketing digital.

Além da capacitação, os 75 negócios selecionados pelo programa contarão com benefícios e descontos no ecossistema do Mercado Livre, mentorias especializadas em comercialização e visibilidade na Seção de Produtos Sustentáveis do marketplace.

“O fortalecimento da estratégia comercial desses empreendimentos pode alavancar os impactos positivos desses negócios, potencializando a geração de renda nos territórios, fortalecendo cadeias produtivas sustentáveis e contribuindo para conservação da biodiversidade” afirma Laura Motta, Gerente de Sustentabilidade do Mercado Livre.

A seleção dos negócios será feita pela Consultoria Giral Viveiro de Projetos com apoio de outros parceiros como Amaz, Climate Ventures e o Movimento Amazônia em Casa, Floresta em Pé. Serão avaliados os seguintes critérios: produto, maturidade do empreendimento, equipe, e impacto socioambiental gerado nos territórios. A seleção também inclui entrevistas com membros e beneficiários do empreendimento.

Os interessados podem se inscrever até o dia 24 de maio por meio do formulário.

Sobre o Empreender com Impacto

O Empreender com Impacto faz parte da estratégia de sustentabilidade do Mercado Livre e acontece em diferentes países da América Latina onde a companhia atua. No Brasil, é articulado pela Consultoria Giral Viveiro de Projeto, e conta com conteúdo produzido a partir da inteligência de mercado do Mercado Livre. Desde 2019, o programa apoia empreendedores e empreendedoras a fortalecerem suas estratégias comerciais; acessar mercados de forma eficiente e sustentável e, consequentemente, potencializar seus benefícios para a sociedade.

Matéria anteriorIndústria promove evento sobre economia circular
Próxima matériaFundação Edmílson recebe geradores de energia solar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

2 × três =