Executivo foi reconhecido pelo trabalho na promoção da bioeconomia circular e na redução das mudanças climáticas

Cristiano Teixeira, diretor-geral da Klabin, foi eleito como a Biopersonalidade do Ano no Fórum Mundial de Bioeconomia, realizado em Belém, no Pará. O executivo foi reconhecido pelo trabalho feito na companhia – a maior produtora e exportadora de papel para embalagens e embalagens de papel do Brasil – na promoção da bioeconomia circular e contribuição para reduzir os impactos das mudanças climáticas no país.

“A preocupação com o meio ambiente e o compromisso com a sustentabilidade sempre estiveram no centro das discussões da Klabin. Os investimentos da Companhia no desenvolvimento de novos produtos e de barreiras que atendam às necessidades da bioeconomia já são uma realidade. Somos agentes propulsores de uma cadeia e é nosso papel influenciar positivamente nossos stakeholders para que se atentem à urgência destes assuntos e promovam mudanças significativas, que beneficiem o futuro do planeta. Esse reconhecimento é a confirmação de que o nosso trabalho está gerando resultado”, afirma o diretor-geral.

Canecas Personalizadas

Nos próximos dias, Teixeira participará da COP-26, em Glasgow, no Reino Unido, onde acompanhará de perto os debates que serão realizados no evento. O executivo integra o COP-26 Business Leaders, seleto grupo que, desde o ano passado, se reúne para discutir as pautas mais urgentes relacionadas às mudanças climáticas e engajar o setor privado nas metas de redução de carbono. As principais notícias da Klabin na COP-26 estarão disponíveis nas mídias sociais da Companhia.

O Fórum Mundial da Bioeconomia foi realizado em Belém, no Pará, entre os dias 18 e 20 de outubro, e reuniu líderes mundiais a fim de compartilharem ideias e soluções sustentáveis voltadas à promoção da bioeconomia circular, principalmente no enfrentamento às mudanças climáticas.

Matéria anteriorNova modalidade adotada por aplicativo de transporte promete compensar a emissão de carbono durante viagens
Próxima matériaUpcycling: entenda como lucrar com aproveitamento de materiais

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

um + catorze =