Pesquisa também identificou que 93% dos brasileiros costumam doar suas peças

Uma pesquisa encomendada por Vanish®, marca especialista em cuidados com as roupas da Reckitt Hygiene Comercial, constatou que 50% dos brasileiros que fazem parte da geração millenial, nascidos entre 1980 e 1995, nunca fizeram uma compra em brechó. O levantamento foi feito pelo Instituto Akatu, uma das maiores organizações sem fins lucrativos focada na conscientização e mobilização da sociedade para o consumo consciente. A pesquisa faz parte do plano de propósito da marca, que se baseia em “Ajudar as roupas a viverem muitas vidas“, já que a marca quer contribuir para uma mudança de comportamento da sociedade para o consumo e cuidado mais consciente das roupas.

A pesquisa apontou que 52% dos millenials compram somente o que precisam, enquanto 27% concordam parcialmente com esta afirmação. Por outro lado, como os seres humanos são múltiplos, 68% se classificam como consumistas relatando frases como “quando gosto, compro mais de uma peça”.

“Acreditamos que o cuidado com as roupas é fundamental para que cada peça tenha um ciclo de vida longo e possa, futuramente, ser trocada, reformada, doada ou até vendida em brechós”, comenta Daniella Rodrigues, head de marketing de Vanish®.

Dados desta pesquisa ainda mostram que a relação dos millennials com as peças e sua visão sobre os brechós traz à tona uma discussão atual e necessária para a sociedade. Isso porque, de acordo com o estudo, um dos principais fatores que fazem com que este público tenha receio de comprar em brechós é a preocupação quanto à higiene das roupas ou a qualidade e manutenção dos itens vendidos. No entanto, o levantamento também apontou que há um entendimento entre os millennials de que roupas bem cuidadas duram mais e permanecem com melhor aparência por mais tempo.

O estudo foi capaz de identificar as mensagens com maior potencial de mobilização de millennials para o consumo consciente de roupas. A pesquisa, que foi quantitativa e qualitativa, contou com 1.700 entrevistas realizadas em 2021, em painel online, com entrevistados homens e mulheres entre 20 e 40 anos, pertencentes às classes ABC, com acesso regular à internet em todo Brasil.

De acordo com pesquisas do SUSTEXMODA parceiro de Vanish®, a Fundação Ellen MacArthur destaca que, se o número de vezes em que as roupas fossem usadas dobrasse, a indústria têxtil deixaria de emitir 44% dos gases que causam o efeito estufa.

Matéria anteriorRecuperação é mais lenta entre os empreendedores negros, apronta pesquisa
Próxima matériaProjeto Legado lança vagas inéditas para iniciativas sociais da Amazônia e Mata Atlântica

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

nove + 11 =