ONG dá dica para os consumidores avaliarem sua forma de consumir em data repleta de promoções

A Black Friday pode ser tentadora, principalmente pelas promoções e preços baixos, mas eventos como este instigam as pessoas a fazerem compras desnecessárias e movidas pelo impulso consumista sem sentido. Mas, você já pensou qual é o impacto de produtos supérfluos para você e o meio ambiente?

O Instituto Akatu, principal ONG do país dedicada à sensibilização e à mobilização para o consumo consciente, pensando no movimento inconsciente das pessoas nesta época do ano, convida os consumidores a aproveitarem a Green Friday e provoca-os a evitarem aquelas compras desnecessárias. Afinal, se toda forma de consumo traz consequências para o meio ambiente e a sociedade, imagine então, o que acontece em uma data como essa. É quando o “barato” de hoje pode sair caro amanhã.

Canecas Personalizadas

A Green Friday é um movimento criado para substituir o consumismo provocado pela Black Friday pelo consumo consciente, aquele focado no que é necessário e exclui excessos e desperdícios, além de gerar um melhor impacto para nós mesmos, a natureza e a sociedade. Para isso, é fundamental entender o que é necessário e o que é supérfluo. E nesse ponto entra em cena os Primeiros Passos, iniciativa recém-lançada pelo Akatu para os consumidores trilharem a jornada rumo à sustentabilidade em cinco temas: água, alimentos, biodiversidade, crise climática e resíduos. Então, quais são os primeiros passos para evitar exageros na Black Friday?

Reflita sobre a necessidade da compra: considere impactos para seu bolso, para o meio ambiente e para a sociedade. Evite o consumo por impulso, pense sobre os motivos que despertam o seu desejo de compra e se há algo que a torna de fato necessária.

Repense uma compra online: antes de finalizar sua compra, dê um tempo, ocupe-se de outra coisa e retome a compra somente se concluir que se trata de uma necessidade real.

Evite salvar seus cartões nas plataforma: para compras online, não mantenha os cartões de crédito já salvos nas plataformas de vendas, pois isso facilita a compra e torna mais provável uma aquisição desnecessária.

Caso decida fazer uma compra, busque produtos com menor pegada de carbono: você pode comparar as emissões associadas à produção de itens similares na plataforma CoClear e, assim, poderá optar por aquele cujo impacto negativo é menor.

Evite que emoções negativas sejam o motivo das compras: cultive outros métodos para lidar com essas emoções, como passar um tempo com amigos e familiares ou qualquer outro hobby. Lembre-se que a experiência vale mais que s bens materiais.

De quem comprar? prefira empresas que aderem ao movimento que propõe um consumo mais consciente e sustentável por meio da oferta de produtos que geram menos impactos negativos ao meio ambiente e à sociedade.

Controle suas finanças pessoais: aprender a lidar com o seu próprio dinheiro é essencial para conseguir escapar mais facilmente de uma compra por impulso. Apps como o GuiaBolso e o Organizze ajudam você a evitar compras desnecessárias e limitar gastos.

Dia de Doar

E para engajar ainda mais os consumidores na busca por um consumo mais consciente, o Instituto Akatu se une a diversas organizações sociais no Dia de Doar , iniciativa que promove um país mais solidário e incentiva pessoas e empresas a apoiarem causas e organizações sociais no período da Black Friday. Para contribuir, basta acessar a plataforma de doação do Akatu . As contribuições, a partir de R﹩ 20, serão direcionadas ao Edukatu – plataforma de aprendizagem gratuita que leva conteúdos exclusivos sobre consumo consciente e sustentabilidade para mais de 7 mil escolas e 42 mil alunos em todo o país. O valor arrecadado será usado para: a realização de oficinas de capacitação de professores, a produção de novos conteúdos educativos e o engajamento de novas turmas do Ensino Fundamental.

Criado em 2012 nos Estados Unidos, o Dia de Doar é realizado sempre na terça-feira após a Black Friday e acontece neste ano em 30/11. Esse movimento global reúne 85 países e conecta pessoas a causas, convidando todos a contribuírem para a construção de uma sociedade mais sustentável e justa que tanto queremos. Participe aqui .

 

Matéria anteriorEvento reúne ministros e autoridades de mais de dez países para debater economia circular na América Latina, no Caribe e na Europa
Próxima matériaGovernança de dados e sustentabilidade corporativa (ESG) é tema de webinar gratuito da FGV Direito SP

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

catorze + 9 =